“Te Quero”

All you have to do is close your eyes and just reach out your hands.
And touch me, hold me close, don’t ever let me go
– Extreme, More than Words

23_rf244067couple-holding-hands-posters1

 

“Te amo” não é uma frase em si, com um significado. É uma expressão.

Um casal, quando se permite dizer “eu te amo” é porque já abriu todas as portas, o relacionamento se estabeleceu, e não há mais por que o dilema de se declarar sem se expor. Aí, a frase já não quer dizer muito, diz o já sabido, o assumido.

Difícil mesmo é dizer um “eu te quero”, confessar, sem ter certeza de ser aceito, a vontade de ir adiante com alguém. Adiante, não sei pra onde, mas a frase, uma vez dita e ouvida, não deixa margem. Já algo acontecerá, ambos terão consciência de que há algo que não podem ignorar. É, de todas as frases, a mais corajosa.

Quero o quê? Se não houver consenso, no mínimo, esta é a deixa para descobrir. E, se já se conhecem. Mesmo não se sabendo correspondido, o temor não pode haver.

 

2 comentários em ““Te Quero”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s